MACKENZIE É CAMPEÃO NO VÔLEI E BASQUETE DA 4ª COPA ARCELORMITTAL

0
11
2 1
2 1

A 4ª Copa ArcelorMittal, realizada no Mackenzie, teve dobradinha de pódio: as equipes do clube de basquete e vôlei venceram seus respectivos torneios.

A competição durou três dias e reuniu oito equipes de agremiações e colégios de Belo Horizonte, para disputarem as modalidades basquete, voleibol e natação. O evento é fruto da parceria do clube com a maior produtora de aço do mundo e também conta com o apoio dos patrocinadores Copasa, Mart Minas e BCV, pelo projeto MACKENZIE FORMANDO ATLETAS OLÍMPICOS II (Processo: 58000.102009/2017-91).

Na abertura, estiveram presentes o Secretário Municipal de Esportes e Lazer, Elberto Furtado Júnior, o presidente da Federação Aquática Mineira, Eros Damasceno, o presidente da Federação Mineira de Basketball, Marcílio Cassini, a representante da ArcelorMittal, Elisa Rocha Gomes, dirigentes de clubes participantes, atletas, comissões técnicas e a diretoria do Mackenzie.

De acordo com o Secretário, eventos como este são essenciais para o desenvolvimento do esporte de base na cidade. “É fundamental essa parceria com o setor privado. Hoje, além dos recursos fixos que os clubes têm com as mensalidades e a prefeitura tem com o IPTU, é preciso buscar outras formas de executar essa nossa função social que é o esporte. Então essa parceria com a ArcelorMittal é sensacional, e tem que ser estimulada e preservada, é um patrocinador que faz a diferença”.

Elberto, que na juventude já jogou no Mackenzie, também comentou sobre as dependências do clube: ”eu acho que o Mackenzie está de parabéns, pela estrutura, por ter um setor de captação de recursos de qualidade, pela diretoria… Quando eu vejo essa quadra que o clube conquistou e a parceria que o Mackenzie tem com a prefeitura, acho muito bacana!”

Na competição de basquete sub-14, o time do clube ficou em primeiro lugar com 6 pontos, o Olympico Club com 5 pontos levou a medalha de prata e o bronze ficou com o Colégio Santo Agostinho, que conquistou 4 pontos.

Segundo o técnico Rappa, ser campeão foi especial, principalmente pelo título ter sido conquistado por um time novo: “a equipe foi formada há três meses. Do ano passado, só ficaram três atletas e alguns dos novatos nunca tinham jogado em clube. O nosso diferencial foi ninguém ter faltado nos treinos. Eles se dedicaram e acreditaram que, a cada dia, se aprende um pouco mais”, pontuou.

O treinador também falou sobre a relevância do resultado para o próximo desfio: “o título é muito importante para o crescimento de todos e para que os atletas continuem acreditando que podemos alcançar nosso objetivo, que é fazer um ótimo Campeonato Brasileiro”.

Além do título de campeão, dois jogadores do time levaram mais um pra casa. Felipe Paulino foi eleito o melhor pivô da Copa ArcelorMittal e Eduardo Júnior, o melhor ala pivô.

Já no torneio de vôlei sub-16, a disputa foi acirrada! As três primeiras equipes fizeram 6 pontos e tiveram o mesmo número de vitórias. No critério de desempate, Mackenzie e Olympico tiveram o mesmo número de sets vencidos e a decisão ficou por conta dos “pontos average”, que é a soma dos pontos feitos, dividida pela soma dos pontos sofridos. Seguindo à risca o ditado de que “vença o melhor”, Mackenzie ficou com o ouro, seguido por Olympico e Minas Tênis Clube.

Para o técnico Hélcio, bicampeão estadual, recém contratado pelo clube, o primeiro título pelo Mackenzie teve um gosto especial. “Não tinha favoritos, o nível dessa categoria está muito equilibrado, na região metropolitana. Pra mim foi emocionante! Foi como se tivesse ganhado meu primeiro campeonato”, contou. O treinador também comentou o desempenho das atletas em quadra: “o diferencial dessa equipe é a coletividade e persistência. A vontade delas de aprender e de assimilar o máximo de situações, junto comigo”.

Duas atletas do clube também foram premiadas por se destacarem na competição. Vitória Rabelo levou o troféu de melhor Central e Vitória Helena foi considerada a melhor jogadora do torneio.

Nas piscinas, os quatro times participantes – Mackenzie, Olympico, Clube Jaraguá e Colégio Magnum – foram divididos em três equipes (vermelha, preta e branca) e disputaram a maratona aquática. A equipe preta venceu a competição nadando 15.850 metros, em duas horas.

Sérgio Vera, coordenador de esportes do Mackenzie, comentou os bons resultados do clube: “são frutos do empenho da comissão técnica qualificada, da reformulação dos times com contratação de novos técnicos e atletas selecionados em peneiradas e, claro, um excelente trabalho na pré-temporada”.

 

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY